Guia do som automotivo

Guia do som automotivo

Dirigir ouvindo sua música favorita é bom, mas pode ser ainda melhor quando você investe em um som automotivo de qualidade, dando potência às suas músicas favoritas. Entretanto é preciso seguir algumas dicas para conseguir o conjunto ideal e que vá te satisfazer, garantindo que sua música seja tocada com qualidade. Assim, saiba tudo sobre som automotivo e descubra como montar o seu.

O que é som automotivo?

Como o próprio nome sugere, som automotivo é um conjunto de equipamentos sonoros utilizados em veículos, tanto com finalidade comercial quanto para finalidade de lazer.

O som automotivo pode ser mais ou menos completo e, portanto, mais ou menos barato, dependendo do modelo de sistema escolhido e dos equipamentos adquiridos. A imensa maioria dos carros vem com um sistema de som simples, ficando a cargo do usuário escolher a instalação do seu som automotivo personalizado.

As etapas de montar um som automotivo

Para montar o seu som automotivo de qualidade, entretanto, é preciso seguir algumas etapas para garantir que o som saia como você deseja e planeja. Assim, seguindo as etapas corretamente você poupará dinheiro e frustração, conseguindo o som automotivo ideal.

Tratamento acústico

O primeiro passo para um som automotivo interno de qualidade é o tratamento acústico, também conhecido como isolamento acústico. Essa etapa irá prevenir que as ondas sonoras “escapem”, mantendo um som ainda mais intenso e fiel.

Geralmente o tratamento acústico é feito com espumas, mantas e vidro duplo, exatamente como é feito em estúdios de gravação musical.

Escolhendo o player

A seguir é chegada a hora de escolher o player – ou head – ideal para o seu som automotivo, pois ele é a parte mais importante de todo o sistema e dele, portanto, depende a qualidade final do seu sistema.

Além de ser de uma boa marca é importante que ele possua algumas características como a capacidade de ser expansível, saída para amplificador, frente descartável e saída RCA dual, dentre outras funcionalidades.

Processador de áudio

O processador de áudio é o equipamento responsável por ajustar o tempo, corrigindo possíveis falhas para que o som chegue ao mesmo tempo de todos os lugares. Geralmente o player vem com um processador de áudio embutido, mas caso não venha ou caso você prefira é possível utilizar o equipamento separado.

Escolhendo alto-falantes

Os alto-falantes serão os responsáveis por reproduzirem o som e quanto tão melhores eles forem, melhor será a reprodução da música, que não sofrerá distorções e será mais agradável de ser ouvida.

Existem diversos tipos de alto-falantes e você aprenderá a escolher os melhores tipos para um som automotivo perfeito.

Amplificadores

Por sua vez, os amplificadores são responsáveis por, como o próprio nome diz, amplificar o som, que chega baixo ao equipamento e é aumentado de acordo com sua potência, a qual deve ser correspondente à potência do som em geral.

O amplificador deve ser instalado preferencialmente no porta-malas, onde fica fixo e em local arejado, o que é o melhor para eu funcionamento composição.

Tipos de alto-falantes para o sue som automotivo

Os alto-falantes são peças-chave do seu sistema de som automotivo, por isso é importante que você escolha sabiamente. É preciso ter em mente, também, que dificilmente você comprará só um alto-falante já que o uso combinado é normalmente melhor e traz resultados mais satisfatórios. Conheça os principais tipos de alto-falantes e como eles atuam.

Tweeter

O alto-falante do tipo tweeter é o responsável por manter a nitidez e qualidade de sons mais agudos e frequências mais elevadas. Eles geralmente possuem entre 1 e 7 cm e devem ser instalados em um local mais alto, mas que fique no máximo até a altura dos olhos.

Por causa isso a instalação do tweeter é feita, preferencialmente, no local entre o para-brisa e a porta do carro. Além disso, podem ser utilizadas mais de uma unidade.

Woofer

Já o alto-falante woofer é o maior e que visa à reprodução de sons graves e médio-graves com mais qualidade. São mais rígidos e por isso sua instalação também precisa ser planejada. Indicado para sons instrumentais como de tambores, batidas em geral e piano, por exemplo.

Subwoofer

Já o subwoofer é um reprodutor de sons graves, o que, inclusive, melhora a qualidade do som de todos os outros alto-falantes. Dependendo do seu objetivo apenas um subwoofer será necessário para todo o carro, mas é importante atentar-se se o player possui saída para o subwoofer.

Mid-range

O alto-falante do tipo mid-range reproduz freqüências médias que são comuns a praticamente todos os instrumentos musicais, além de ser ideal para a faixa de frequência da voz humana.

Deve ser instalado na parte inferior do carro, além de na parte superior do porta-malas para que o som chegue aos passageiros. Para um som automotivo mais profissional, entretanto, é melhor que ele seja posicionado junto ao tweeter.

Coaxial

Já o alto-falante coaxial vem, na verdade, com dois alto-falantes, sendo um woofer para reprodução de agudos e um tweeter para reprodução de graves. É uma opção mais barata para quem não deseja investir tanto, mas pode deixar a desejar na qualidade.

Triaxial

O sistema triaxial, na verdade, é composto por três alto-falantes diferentes: um woofer, um tweeter e um mid-range, ideal para a reprodução de todas as freqüências. Para os sons de contrabaixo, partes da bateria e baixo eletrônico, entretanto, é indicado um subwoofer.

Dicas para conseguir o som automotivo dos sonhos

Agora que você conhece as etapas de montar o som automotivo ideal para você é preciso seguir algumas dicas simples para que tudo saia como o esperado.

Contrate mão de obra especializada

A menos que você tenha muita experiência com a instalação de nos automotivos não abra mão de contratar uma mão de obra especializada, tanto para a instalação quanto para a orientação do que e quanto você deve comprar. Isso permitirá que você tenha um resultado final que te dê satisfação e com bastante qualidade.

Atenção à potência do amplificador

Caso você vá usar amplificadores é importante que você se atente à frequência, que deve ser igual ou menor do que a potência nominal do alto-falante. Se você utilizar um amplificador de potência muito alta provavelmente seus alto-falantes terminarão queimados, por isso, atente-se a isso.

Saiba quais são seus objetivos com o som automotivo

O som automotivo pode ser utilizado para que você ouça seu som livre de ruídos externos, mas também pode servir para animar uma festa, por exemplo, ou mesmo para competições.

Para cada objetivo há uma configuração diferente de som automotivo e por isso é fundamental que antes de sair comprando você saiba o que deseja com o sistema. Após consultar um técnico em som você saberá exatamente o que comprar para conseguir o resultado desejado.

Escolha itens de qualidade

Em se tratando de aparelhos sonoros escolher itens baratos ou de procedência duvidosa irá criar sons distorcidos e com muito ruídos, especialmente em volumes mais altos. Assim, não comprometa seu som automotivo e escolha itens de qualidade e boas marcas.

Assim, o som automotivo é uma maneira de relaxar e se divertir enquanto dirige, além de também poder ser utilizado para animar festas e ambientes. Antes de sair comprando peças, entretanto, é importante que você avalie seu orçamento, seu veículo e o que você pretende com o som automotivo, comprando as melhores peças para conseguir o tão desejado som de qualidade.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Post Comment